Cirurgias plásticas em Fortaleza | Natal | São Luís

Dr. Davi Pontes

CIRURGIÃO PLÁSTICO | CRM 11052

Portuguese English French Italian Japanese Spanish

gg1

 

Gluteoplastia , pré e pós-operatório

Gluteoplastia--pre-e-pos-operatorio

No pré-operatório, são realizadas orientações para que haja o máximo esclarecimento sobre aspectos técnicos, benefícios, limitações, riscos do procedimento proposto, bem como sobre os cuidados que serão necessários no pós-operatório. O cirurgião está à disposição de seus pacientes, aos quais se recomenda que tirem todas as dúvidas, para que se sintam seguros e preparados para o procedimento.

Também, são solicitados os exames complementares, conforme indicado, bem como a avaliação clínica pré-operatória (“risco cirúrgico”).

Recomendações:

  • Comunicar alterações relativas ao seu estado de saúde até a véspera da cirurgia;
  • Comparecer ao local da cirurgia (hospital ou clínica) no dia e horário especificados na sua guia de internação;
  • Caso a internação seja no mesmo dia da cirurgia, venha em jejum, conforme a recomendação médica;
  • Evitar bebidas alcoólicas ou refeições muito lautas, na véspera da cirurgia;
  • Comunicar o uso de qualquer medicamento que esteja usando, pois alguns medicamentos devem ser suspensos por determinado período antes da cirurgia, conforme orientação médica. Por exemplo, devem ser evitados, por cerca de dez dias antes da cirurgia, anticoagulantes, ácido acetilsalicílico (AAS, Aspirina, etc.), Ginkgo Biloba e medicamentos para emagrecer.
  • No caso de pacientes fumantes, o hábito de fumar deve ser suspenso pelo menos 30 dias antes da cirurgia;
  • Não aplicar cremes no corpo a partir da véspera da cirurgia;
  • Providenciar malha compressiva adequada, conforme indicação médica, para uso no pós-operatório;
  • Programar suas atividades sociais, domésticas, profissionais ou escolares, de modo a não se tornar indispensável a terceiros, durante o período de recuperação inicial;
  • Compareça acompanhado (a) para a internação.

Pós-operatório

Os cuidados pós-operatórios são essenciais. Não segui-los pode trazer riscos e comprometer o resultado final. Nas gluteoplastias, as principais recomendações pós-operatórias são:

  • Evitar esforços físicos, ambientes quentes e exposição ao sol;
  • Não se sentar por um período de 30 dias, conforme a orientação médica;
  • Não realizar esforços físicos, como academia, não usar salto alto e não dirigir no primeiro mês;
  • Não deitar barriga para cima, devendo-se deitar de barriga para baixo;
  • Movimentar frequentemente os membros inferiores nos períodos de repouso para melhorar a circulação e ajudar a evitar trombose;
  • Usar a cinta modeladora própria durante todo dia, inclusive durante o sono, geralmente por 30 dias, podendo ser recomendado o uso por maior tempo, conforme as particularidades de cada caso;
  • Alimentação normal (salvo em casos especiais), não devendo realizar “dieta ou regime de emagrecimento” até liberação médica;
  • Não trocar ou manipular os curativos, mesmo que haja um pequeno sangramento (que é comum e não deve ser motivo de preocupação). As trocas de curativo serão feitas pela equipe cirúrgica ou orientadas por ela;
  • Banho somente com a autorização da equipe cirúrgica ou sob sua orientação;
  • Seguir prescrição médica;
  • Retorno ao consultório nos dias e horários programados;
  • Em caso de intercorrências, como sinais de infecção (dor persistente, inchaço, vermelhidão, calor local, pus ou febre), dor intensa, sinais de hematoma (inchaço súbito, geralmente, unilateral e dor intensa), deiscência (abertura do corte) ou sangramento importante, deverá ter avaliação em pronto-atendimento e comunicar imediatamente médico assistente;
  • Lembrar sempre que, uma vez submetida à gluteoplastia com prótese de silicone, não deve receber administração de injeções na região glútea, devido ao risco de perfuração das próteses;
  • Provavelmente você estará se sentindo tão bem, a ponto de esquecer-se de que foi operado(a) recentemente. Cuidado! A euforia poderá levá-lo(a) a um esforço inoportuno e determinar transtornos.
  • Não se preocupe com as formas intermediárias nas diversas fases. Tire com o seu cirurgião plástico, e somente com ele, quaisquer dúvidas que possam advir.

No pós-operatório, algumas alterações comuns ocorrem como resposta do organismo à cirurgia e não são consideradas complicações. Dessa forma, edema (inchaço) e equimoses (coloração arroxeada na região) podem ocorrer em graus variáveis e não devem ser motivos de ansiedade para o paciente. Em caso de dúvidas é importante comunicar o médico assistente para que não haja preocupação com alterações comuns e transitórias, bem como para que não se deixe de identificar uma intercorrência que necessite de tratamento.

Curativos

Geralmente é feito um curativo inicial sobre a incisão, cuja retirada ou troca é realizada pela equipe cirúrgica ou orientada por ela. Também, é colocada a cinta modeladora.

Retirada dos pontos

Geralmente de 7 a 15 dias após a cirurgia.

selo

canal4
fanpage
localizacao

medico-consulta-com-br